Atenção à Saúde

Rede Iluminar de cuidados às Vítimas de Violência Sexual

 

Coordenação: Verônica Gomes Alencar

Endereço: Avenida Anchieta, 200 - 11º andar - Paço Municipal - Centro - CEP 13015-904

Telefone: (19) 2116-0287 / (19) 2116-0654

E-mail: vgalencar2010@hotmail.com

Vínculo: Departamento de Saúde

 

Objetivos

O Iluminar Campinas - Cuidando das vítimas de violência sexual, tem como objetivo principal tirar as vítimas da solidão e escuridão no momento de grande trauma, como também tirar da solidão e escuridão os profissionais e as pessoas que cuidam das vítimas. E mais:

  • Cuidar da saúde física, mental, social e civil das crianças, mulheres, adolescentes e homens vítimas de violência sexual urbana ou doméstica aguda, antes de 72hs, possibilitando a prevenção da gravidez por estupro, das Doenças Sexualmente Transmissíveis – DST, incluindo AIDS e Hepatite.

  • Cuidar da saúde física, mental, social e civil de todas as vítimas de violência sexual doméstica crônica, e das suas famílias.

  • Identificar, Capacitar, Integrar, Monitorar e Avaliar a Rede de cuidados para evitar a REVITIMIZAÇÃO, qualificar e humanizar os serviços.

  • Elaborar e implantar ficha de notificação compulsória para construção de banco de dados e possibilitar implementação de políticas públicas mais eficientes.

  • Intervir na cadeia de violência, através do cuidado às pessoas autoras de Violência fora do ambiente policial.

 

Metas cumpridas

  • Atualmente atendemos 100% das vítimas que acessam os serviços de urgência em média até 2 horas, garantindo a eficácia da medicação de prevenção da gravidez resultante do estupro e das DSTs.

  • 100% das vítimas que completam o tratamento não apresentaram viragem sorológica.

  • Os centros de saúde estão assumindo junto com a Saúde mental os casos crônicos.

  • Realizamos 100% dos abortos garantidos por lei nas mulheres que optam por este procedimento; às demais podem realizar o pré-natal e ficarem com o bebê ou entregarem para adoção à Vara da Infância e Adolescência de Campinas.

  • Evitar a revitimização em 100% dos casos.

  • Implantado o SISNOV, sistema de notificação compulsória de violência com lançamento de Boletim anual a partir de 2005.

  • Atualmente estamos com 121 unidades notificadoras.

Todos os serviços da rede estão autorizados a notificar os casos de crianças e adolescentes ao Conselho tutelar e ao Sistema de notificação de violência via Internet.

Também orientam as vítimas sobre a importância da realização do Boletim de ocorrência para dar seguimento jurídico ao caso e punir os autores.

 

Apresentação

Implementação

Constituição da Rede de cuidados e
Missão de cada Serviço

Fluxo de Encaminhamentos

Mecanismos de Avaliação

Inserção Programática

Obstáculos

Nosso diferencial

Boletins SISNOV